Página Inicial
Acesso à informação

O Projeto Uso Atual das Terras é um estudo sistemático, disponibilizado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), por meio da Diretoria de Informações Geoambientais (Digeo), elaborado pela Coordenação de Recursos Naturais e Ambientais (CRNA). Compõe a Série Estudos e Pesquisas (SEP) e objetiva reconhecer as formas de ocupação e uso do território baiano, seja por aspectos naturais ou atividades antrópicas, fornecendo, assim, um retrato do espaço territorial, com base nas dinâmicas atuais.

Os estudos de uso da terra fornecem subsídios às ações do planejamento regional, já que buscam a compreensão dos padrões de organização do espaço alterado pela ação do homem e pelo desenvolvimento tecnológico. Conhecer o espaço por meio das formas de ocupação é, por sua vez, entender os processos pelos quais se deu o desenvolvimento regional e, com isso, construir referências espaço temporais, ferramenta imprescindível ao planejamento territorial.

Com linguagem de fácil compreensão, a análise traz uma descrição física da região e aborda as diversas atividades nela exploradas, a exemplo das agropastoris, industriais e extrativas, além da pressão exercida sobre os recursos naturais.

A SEI desenvolve estudos de uso das terras desde a década de 1980. Os primeiros atendiam a escala 1:500.000 e a partir de 1998 passaram para a escala 1:250.000. Os últimos estudos proporcionam uma releitura dos anteriores com atualização dos dados em escalas mais detalhadas e com implementação de inovações técnicas e metodológicas.

A SEI mantém em seu acervo todos os trabalhos realizados, sendo que os mais recentes têm seus dados vetoriais em formato shapefile. Os estudos de Uso das Terras desenvolvidos entre 2008 e 2014 estão disponíveis para download, quando, então, foi descontinuada a versão impressa, permanecendo apenas a versão digital.

Voltar ao topo